09/12/2008 - Violência sexual contra as mulheres

Rio, 9 de dezembro de 2008

Violência sexual contra as mulheres

Uma em cada quatro mulheres é vítima de estupro. Em algumas regiões esse número pode chegar a 35%. Esses foram alguns dos dados apresentados no seminário “Diálogos no enfrentamento à violência sexual contra a mulher, um desafio para as políticas sociais”. Organizado pela Escola de Serviço Social da UFRJ e pela Secretaria Municipal de Saúde, o evento aconteceu no dia 8 de dezembro, em Copacabana.
No seminário, a professora Ludmila Cavalcanti, coordenadora do Núcleo de Saúde Reprodutiva e Trabalho Feminino da Escola de Serviço Social da UFRJ, apresentou o resultado de sua pesquisa sobre os serviços de saúde na prevenção da violência contra a mulher. Pioneira no município do Rio de Janeiro, a pesquisa tem o objetivo de melhorar as respostas dos serviços de saúde na prevenção da violência sexual contra a mulher.
No seminário houve também  a homenagem aos 10 anos do Núcleo de Saúde Reprodutiva e Trabalho Feminino da Escola de Serviço Social da UFRJ.
Quem esteve presente pode conhecer a experiência do programa Iluminar Campinas, cuidando das vítimas de violência sexual. Iniciado em 2001, o programa atende as vítimas de violência sexual urbana e doméstica no município de campinas, atuando nas áreas de saúde, educação, assistência social, jurídica e de cidadania.
O seminário faz parte da campanha internacional 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra a mulher. Organizada pela ONU, essa campanha ocorre, no Brasil, há mais de dez anos.

 

 

Av. Pedro Calmon, nº 500 - Prédio da Reitoria - Térreo
Cidade Universitária - Rio de Janeiro - RJ - CEP 21941-901
Telefone: 2598-1621 - 2598-1894

Universidade Federal do Rio de Janeiro/UFRJ
E-mail: Este endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o JavaScript terá de estar activado para que possa visualizar o endereço de e-mail
Resolução mínima (recomendada): 800x600px